full
image
#666666
http://broilo.com.br/wp-content/themes/zap-installable/
http://broilo.com.br/
#0098DA
style1

Broilo Responde

01 - Quando devo fazer a manutenção preventiva do equipamento?

As manutenções preventivas devem ser realizadas preferencialmente uma vez ao ano para a maioria dos equipamentos fornecidos pela Broilo. Esta manutenção preventiva consiste em uma inspeção e limpeza com posterior regulagem dos equipamentos. Desta forma, é assegurado o correto funcionamento, mantendo-se o alto desempenho e também o baixo consumo de combustível ou energia.

02 - O que passa pelas tubulações de calefação?

O que circula na tubulação de calefação é água. Como essa água é sempre a mesma, logo perde o oxigênio, sais e outros elementos químicos dissolvidos, tornando-se inerte, ou seja, perde os elementos que são capazes de reagir com os metais provocando a sua oxidação.

03 - Porque meu equipamento não funciona quando não tem luz?

Os sistemas de aquecimento ou geração de água quente para consumo não operam com falta de luz, por possuírem motores e outros componentes elétricos que necessitam dessa energia para funcionar.

04 - Qual o combustível mais barato?

Isto depende das condições de mercado e também de outros fatores que devem ser considerados. Por exemplo: O combustível mais barato atualmente é a lenha, no entanto, o sistema de aquecimento com lenha não funciona automaticamente necessitando de uma pessoa para controlar seu funcionamento e manter o fogo. Por isso, mesmo a lenha sendo mais barata o sistema à óleo ou gás pode ser mais vantajoso dependendo do porte da instalação.

05 - O que devo fazer se o equipamento não estiver funcionando?

Primeiramente é preciso consultar o manual do equipamento e verificar se a causa do não funcionamento é um fator externo, como por exemplo: falta de energia elétrica, falta de combustível, falta ou baixa pressão de água, registro fechado, termostato ou chave elétrica desligada, etc, e realizar os procedimentos conforme o manual. Caso o problema persista, é necessário contatar a assistência técnica Broilo (plantão 24 horas).

06 - Qual a quantidade mínima de óleo diesel que deve ter no reservatório para que seja reabastecido?

Todo tanque de óleo possui um “lastro” de 150 a 300 litros dependendo do volume do tanque. Este lastro serve para impedir que os resíduos contidos no combustível e que se decantam no fundo do tanque sejam sugados pela tubulação e causem o seu entupimento ou do queimador. Por isso, haverá falta de combustível mesmo que ainda exista cerca de 150 a 300 litros no tanque. Desta forma, é aconselhável reabastecer quando o seu volume estiver a cerca de 1/3 da capacidade total.

07 - A que temperatura o radiador pode ficar?

A temperatura média da superfície do radiador deve permanecer entre 70 e 80ºC. Temperaturas menores implicam em um aquecimento mais lento e de menor desempenho.

08 - Qual o espaço que preciso para instalar uma caldeira?

Este espaço vai depender do tamanho da obra e do tipo de caldeira (geradora de água quente) a ser utilizada. Em muitas obras residenciais, não é necessário prever espaço especial para a caldeira, que pode ser instalada na área de serviço por exemplo. Em todos os casos, o departamento técnico da Broilo deverá ser consultado para prestar a devida orientação no projeto ou execução da obra.

09 - Como devo proceder quanto a limpeza de caldeira a lenha?

Deve-se consultar o manual de operação do equipamento. Se a caldeira estiver em operação constante, dever ser limpa internamente todos os dias. Já os tubos internos devem ser escovados para a retirada de fuligem e alcatrão no mínimos uma vez por semana, a fim de minimizar o consumo de combustível.

10 - Quanto tempo demora para aquecer a casa após acionado o sistema de calefação?

Isto vai depender das características da construção, formas de utilização, da temperatura externa e do tipo de equipamentos utilizados para a calefação. O sistema de piso radiante demora mais tempo que o sistema com radiadores, e este, por sua vez, demora mais que o sistema com ventilo-convectores. No entanto, o grau de conforto térmico obedece a ordem inversa.

Residências utilizadas apenas no final de semana, por exemplo, têm uma inércia maior ao aquecimento, já que toda a estrutura do prédio está fria e necessita ser aquecida, assim como todo o  volume de ar dos ambientes.

Na maioria dos casos, para um sistema com radiadores este tempo varia de 3 a 5 horas para se obter uma temperatura de considerável conforto térmico (18 a 20ºC, com temperatura externa de aproximadamente 10ºC). Contudo, imediatamente após o acionamento do sistema de calefação já se obtém uma visível melhora no nível de conforto térmico, mesmo com pequena alteração da temperatura interna.

11 - Qual a principal diferença entre aquecimento por piso radiante e por radiadores?

A principal diferença do piso radiante em relação ao sistema de calefação com radiadores é de que o piso radiante possui uma inércia térmica relativamente grande quando comparado aos radiadores: o piso aquecido leva mais tempo para aquecer e mais tempo para resfriar e, por isso, em dias com variações bruscas de temperatura pode não conseguir atender de maneira satisfatória o conforto térmico.

12 - Para que serve o termostato de ambiente?

O termostato de ambiente tem a função de controlar a temperatura do ambiente onde está instalado, desligando o sistema quando a temperatura desejada for atingida e religando-o assim que for constatada queda na mesma.

13 - Tem como isolar um ambiente que não será utilizado, para que não seja aquecido?

Caso um local conte com radiadores ou outro sistema de aquecimento e não esteja sendo utilizado, é possível desligar o aquecimento fechando os registros hidráulicos correspondentes. Com isto, interrompe-se a circulação de água quente fazendo com que não ocorra aquecimento e nem consumo de energia.

14 - Por que os radiadores fazem barulho?

Existem dois tipos de ruído que podem ser ouvidos nos radiadores.

O primeiro é uma espécie de “estalo” que é ocasionado pela dilatação térmica das juntas e materiais com que são fabricados os radiadores. Este ruído normalmente ocorre enquanto o radiador aquece e cessa após estar completamente aquecido.

O outro, é uma espécie de som de “cachoeira” que ocorre devido a circulação de água quente com a presença de bolhas de ar no interior do radiador. Este ruído é eliminado através da retirada do ar através da abertura da válvula purga.

O barulho de “cachoeira” também pode ser ouvido quando o registro da maioria dos radiadores foi fechado. Havendo circulação de um grande volume de água em poucos radiadores. No entanto, esta situação é pouco comum.

15 - Quanto gás armazenado é preciso para o perfeito funcionamento de uma caldeira mural?

Isto vai depender da potência da caldeira. Como a maior utilização das caldeiras murais coincide com o período em que há menor volatização do gás nos cilindros (dias frios) na maioria das instalações recomenda-se uma central de gás com uma bateria de 3 cilindros P45 (45 kg) ligados em paralelo com 3 cilindros de reserva.

16 - A que temperatura devo manter a água do sistema de calefação?

Para que o sistema funcione perfeitamente, o ideal é que a água que circula no sistema saia da caldeira a aproximadamente 80ºC.

17 - Uma caldeira pode ser instalada dentro de casa?

Sim, o departamento técnico da Broilo analisa o melhor local para a instalação de acordo com cada projeto.

18 - Se eu encostar num radiador (que está sendo utilizado para aquecer um ambiente), posso sofrer algum tipo de queimadura?

Como a superfície do radiador funciona a uma temperatura de aproximadamente 80ºC o contato breve não provoca queimaduras. Em um contato mais prolongado, poderá ocorrer um pouco de vermelhidão e incômodo passageiro. Não se tem notícias de queimaduras significativas resultantes do contato com a superfície do radiador.

19 - Qual a temperatura ideal para manter a água quente dentro do acumulador?

A temperatura ideal para se manter a água dentro do acumulador é de 55ºC a 65ºC.

Não são recomendadas temperaturas maiores que 65ºC devido ao risco de queimaduras. E menores do que 55ºC, por se aproximarem da faixa de temperatura ideal para a multiplicação de bactérias nocivas (30 – 45 ºC).

Quanto maior a temperatura do acumulador, maior quantidade de energia é acumulada e, com isto, um maior número de banhos pode ser atendido. Por outro lado, temperaturas mais baixas representam menores fugas de calor resultando em maior economia de combustível.

20 - De quanto em quanto tempo deve ser realizada a limpeza interna do acumulador de água (com boca de visita)?

O ideal é efetuar a limpeza interna do tanque anualmente. Caso durante a limpeza se verifique que o revestimento interno do tanque tenha sinais de desgaste ou pontos de oxidação é conveniente aplicar uma nova demão de revestimento. Este revestimento deverá ser obrigatoriamente do tipo epóxi para armazenamento de água potável para consumo e resistente à temperaturas de até 70ºC (a Broilo deve ser consultada previamente quanto ao tipo de revestimento a ser utilizado).

21 - O que posso fazer para economizar combustível quando não estiver aquecendo a piscina?

É recomendado utilizar capa térmica, quando a piscina não está sendo utilizada, para minimizar as perdas térmicas por espelho d’água.

seta
paged
Carregando mensagens...
link
#5c5c5c
on
loading
off